Torcedor atingido em atentado na sede da Bamor morre no HGE

O torcedor do Bahia, Antonio Marcos Sadela, de 49 anos, morreu por volta das 22h da última sexta-feira (13). O enterro acontecerá neste sábado (14), às 16h. O local ainda não foi definido. Ele estava internado no Hospital Geral do Estado (HGE). Antonio Marcos foi baleado no ombro esquerdo no atentado na sede da torcida organizada, Bamor, (relembre aqui) na manhã do último domingo (8). O projétil também atingiu o pulmão. Além de Antonio Marcos, o ataque a sede da organizada também deixou outros dois homens feridos. Daniel Sena Duarte, 20, atingido no abdômen, e Hugo dos Santos, 25, estão bem. Antonio Marcos era auxiliar de portaria e também atuava como DJ. Ele fazia parte da Bamor há 26 anos e era responsável pelo patrimônio da organizada, cuidando de faixas e bandeiras. Em nota, a Bamor pede que a Secretária de Segurança Pública e o Ministério Público do Estado da Bahia investiguem o crime e apontem os culpados. “Nesse episódio criminoso, evidente tentativa de homicídio, e que fiquem claras as motivações e autorias de modo a possibilitar as denúncias e processos criminais que o evento demanda”, declarou. De acordo com a SSP-BA, dois homens em um HB20 branco efetuaram os disparos na porta da sede da Bamor, localizada na Travessa Florêncio Passos, no bairro do Tororó. O crime aconteceu no dia do segundo jogo da final do Campeonato Baiano, disputado entre Vitória e Bahia, no estádio do Barradão, no último domingo.

Comente sobre a notícia!